content
Notícias   ››   Hospital   ››   Infraestrutura
Aquisição

Hapvida adquire plano de saúde de Maceió

Autor: Saúde Business Web (Colaborou Patricia Santana)
Fonte: Saúde Business Web (Colaborou Patricia Santana) Publicado em 02 de Setembro de 2008 às 12h52

A partir de outubro, o plano de Saúde São Lucas passa a operar com a bandeira do Hapvida

Com o foco na consolidação no mercado de Alagoas, a operadora de Saúde Hapvida acaba de realizar uma fusão com o plano de saúde São Lucas, de Maceió. O plano adquirido conta com uma carteira de 6 mil clientes na região e passará a operar a partir de outubro com a nova bandeira.

Deixe o seu comentário sobre esta notícia

Tem mais informações sobre o tema? Então, clique

Juntamente com a fusão, a Hapvida também está construindo um hospital em Maceió, que será concluído em outubro deste ano também. "Depois de uma negociação de três meses conseguimos fechar o acordo e iniciaremos em breve campanhas publicitárias regionais. A idéia é verticalizar cada vez mais as operações", conta a diretora de marketing da Hapvida, Simoni Varella.

Os dados de investimentos não foram revelados. No entanto, a diretora informou que no início do ano, a Hapvida tinha uma carteira de 500 mil vidas. Porém, encerrou o primeiro semestre com 650 mil beneficiários. "Até o final do ano quermeos alcançar a meta de 800 mil vidas. Para isso, continuaremos com a expansão da verticalização e consolidação do mercado de Pernambuco", diz.

Segundo Simoni, com a vinda de operadoras da região sudeste para o norte e nordeste, como foi o caso da compra do Grupo Saúde, de Pernambuco, pela Medial Saúde, o mercado se torna ainda mais pulverizado, o que requer trabalho constante. "Temos 80 mil vidas em Pernambuco, mas o nosso grande desafio é se consolidar neste mercado e aproveitaremos as oportunidades de negociações que surgirem", antecipa.

Até o final deste ano, a Hapvida deve ter uma rede própria de 14 hospitais, sete unidades de pronto atendimento, 39 clínicas médicas, 36 empresas de diagnóstico. "No último mês, inauguramos seis unidades no norte e nordeste", pontua. Ao todo a operadora conta com 18 mil empregos diretos e indiretos.

Com a expectativa de um crescimento de 30% no faturamento, em relação ao ano passado, a operadora aumentou em 50% a rede própria se comparado com 2007, o que reafirma o processo intenso de verticalização. "Com o aumento do poder aquisitivo da classe C, dados do mercado apontam que existem 50 milhões de pessoas que podem comprar planos de saúde e o mercado do norte e nordeste tem sido a aposta das grandes operadoras. Por isso, trabalharemos na consolidação da Hapvida na região, que por si só já é transcontinental", conclui.
Tags
Nenhuma tag cadastrada
Últimos comentários

Não há comentários

Compartilhe Comente e compartilhe sua opinião com nossa comunidade!

Últimas notícias